Renan calheiros pede nova data para prestar depoimento a Moro

O senador Renan Calheiros e o juiz Sérgio Moro. Foto Orlando Brito

O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) pediu ao juiz Sérgio Moro a remarcação da data para prestar depoimento como testemunha de defesa de Jorge Luz e do filho dele, Bruno Luz, apontados como operadores financeiros do PMDB. O senador alega “excesso de compromissos parlamentares” para justificar o pedido.

Na petição encaminhada à Justiça Federal no Paraná, o advogado de Renan Calheiros, Luís Henrique Machado, argumenta que o senador possui muitos compromissos na próxima semana e destaca que o feriado do dia 15 de junho comprimiu ainda mais a agenda. Na petição, o advogado solicita que uma nova data seja agendada a partir do dia 20 de junho, preferencialmente entre terça-feira e quinta-feira, no período matutino.

Renan Calheiros já havia pedido para ser dispensado da oitiva e alegou que o depoimento poderia afetar seu direito de defesa em outro processo no qual o parlamentar é réu. O juiz Sérgio Moro negou o pedido e afirmou que o senador pode usar o direito ao silêncio durante seu depoimento.

08/06/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *