Pesquisadores de Alagoas participam de feira tecnológica que reúne 21 países

Cinco projetos representam o estado na 31ª Mostratec, em Novo Hamburgo (RS), considerado o maior evento de ciência e tecnologia da América Latina para jovens cientistas de ensino fundamental, médio e técnico

110020_ext_arquivo

Jovens pesquisadores de Maceió, Arapiraca, Lagoa da Canoa e Cacimbinhas representarão Alagoas na 31ª Mostratec – Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia, que ocorrerá em Novo Hamburgo (RS), no Centro de Eventos da Fenac, de 25 a 28 de outubro de 2016. O evento, considerado a maior feira do gênero na Latina, terá representantes de 21 países e de todos os estados brasileiros. A organização é da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha.

O trabalho das alunas Sara Aline Silva dos Santos e Deyse Maria Dantas Moura, do Instituto Federal de Alagoas – Campus Maceió, tem como tema O Potencial Antimicrobiano e Antifúngico de Amostras de Pilosocereus Gounellei (cacto xique-xique), Visando Seu Uso Medicinal. A pesquisa, orientada pelo professor Jésu Costa Ferreira Júnior, visa analisar a presença da atividade de combate a fungos e micróbios do cacto xique-xique, planta comum na região. O objetivo era verificar se o extrato da planta poderia ser utilizado como antibiótico para o tratamento de doenças causadas por microorganismos, como pneumonia, infecções orais, vaginais ou gastrointestinais, entre outras.

De Lagoa da Canoa vem a pesquisa que aborda a Incorporação de Farinha a Base Do Jenipapo (Genipa Americana L.) nos Alimentos Líquidos de Crianças Portadoras de Anemia, dos alunos Wiliam Vitor Pinheiro dos Santos Melo, e Mayane Maria da Silva Teles, da Escola Estadual Nossa Senhora da Conceição. Orientados pelas professoras Marinalva Pinheiro dos Santos e Nadja Maria Alves de Souza, os jovens produziram uma farinha à base do Jenipapo, fruta comum no Nordeste brasileiro, para usar como suplemento alimentar no tratamento de crianças com anemia. A relação completa dos trabalhos de Alagoas está listada abaixo.

A Mostratec reúne 420 projetos de jovens cientistas entre 14 e 20 anos de idade, do Brasil (de todos os estados e do Distrito Federal), Argentina, Bósnia e Herzegovina, Cazaquistão, Chile, China, Colômbia, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, Holanda, Índia, Indonésia, Itália, México, Paraguai, Peru, Portugal, Tunísia, Turquia e Uruguai. Paralelamente, ocorrem a Mostratec Júnior (para estudantes do ensino fundamental, com 220 projetos), o Seminário Internacional de Educação Tecnológica (Siet), os Jogos Mostratec, a Corrida Mostratec Sesc, o Festival Maker Mostratec de Robótica e a Feira Regional do Livro de Novo Hamburgo.

A feira estará aberta ao público das 14h às 21h, entre 25 e 27 de outubro, e das 14h às 17h, no dia 28 (sexta-feira). A entrada é franca. Mais informações em www.mostratec.com.br.

Veja a seguir a lista de projetos de Alagoas.

PROJETOS DE ALAGOAS

ARAPIRACA

Escola Estadual Professora Izaura Antonia de Lisboa

Projeto: O Potencial Inseticida dos Extratos Vegetais a Base de Comigo-ninguém-pode (Dieffenbachia spp.) no controle de baratas urbanas 

Alunos: Weverton Santos Silva e Jonathas Alves de Goes Oliveira

Orientadoras: Nadja Maria Alves de Souza e Karine de Queiroz Martins

Escola Estadual Professora Izaura Antonia de Lisboa

Projeto: Desenvolvimento de Unguento Natural a Partir do Mentrasto (Agerantum conoyzoide L.) para tratamento da artrite reumatóide

Alunos: Hercules Porfirio de Jesus Santos e Edlaura Moura

Orientadoras: Nadja Maria Alves de Souza e Karine de Queiroz Martins

CACIMBINHAS

Escola Estadual Muniz Falcão

Projeto: Ensino de Robótica: Construção de um Robô de Resgate Para Difícil Acesso

Alunas: Nagina Fernanda Ferreira Bezerra da Silva e Aline Ferro Ferreira

Orientador: Jaelson de Lima Nazario

LAGOA DA CANOA

Escola Estadual Nossa Senhora da Conceição

Projeto: Incorporação de Farinha a Base do Jenipapo (Genipa Americana L.) nos Alimentos Líquidos de Crianças Portadoras de Anemia

Alunos: William Vitor Pinheiro dos Santos Melo e Mayane Maria da Silva Teles

Orientadoras: Marinalva Pinheiro dos Santos e Nadja Maria Alves de Souza

 MACEIÓ

 Instituto Federal de Alagoas

Projeto: O Potencial Antimicrobiano e Antifúngico de Amostras de Pilosocereus Gounellei (cacto xique-xique), Visando Seu Uso Medicinal

Alunas: Sara Aline Silva dos Santos e Deyse Maria Dantas Moura

Orientador: Jésu Costa Ferreira Júnior

Alagoastempo

24/10/16

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *