Messi dispara: Temos que mudar essa situação de m…

Messi dispara: Temos que mudar essa situação de m…

aakaqus-img

Irritado com a derrota por 3 a 0 para a Seleção Brasileira, na noite desta quinta-feira, no Mineirão, o meia-atacante Lionel Messi falou sobre a queda que a Argentina teve em Belo Horizonte e se mostrou assustado com a situação em que sua seleção se encontra nas Eliminatórias para a Copa do Mundo 2018.

“Tem que mudar desde a cabeça. Quando a gente está bem na cabeça, as pernas respondem. Temos que mudar essa situação de m… Vamos receber críticas”, disparou o camisa 10 na zona mista após o confronto.

Para se ter uma ideia de quanto é complicada a situação da Argentina, se as Eliminatórias terminassem hoje, o time de Edgardo Bauza estaria fora da Copa do Mundo. Até por isso, existia a expectativa de um futebol melhor em relação aos últimos jogos – inclusive por causa do retorno de Messi após se recuperar de contusão. Isso, no entanto, não aconteceu: o grupo inteiro foi mal e o camisa 10 pouco acrescentou.

“Não esperávamos esse resultado. Era um rival duríssimo, mas esperávamos um pouco mais. Creio que até o primeiro gol estava muito parelho, mas depois do segundo (gol) eles terminaram de liquidar. Nos perdemos, nos desarmamos. Está muito mais complicado. Temos que pensar na Colômbia sabendo que temos que melhorar muito. Não podemos repetir uma partida com o que viemos fazendo, porque não vamos sair dessa situação dessa maneira”, observou Messi.

A Argentina ainda tem sete jogos para provar que consegue juntar os cacos e se reerguer em busca de um futebol melhor e a classificação para a Copa do Mundo da Rússia. O camisa 10 salientou que o grupo depende apenas de suas próprias forças.

“Seguimos dependendo de nós mesmos. Dentro de todos os males, há o positivo. Não podemos perder mais pontos, sobretudo na nossa casa e sabendo que temos que melhorar muito. Viemos de duros golpes e resultados negativos. Nos faz custar a levantar. Até o 1 a 0 estávamos bem, era uma partida igual. Depois, não soubemos reagir. Somos conscientes que tem que mudar muito o nosso jogo. Dentro de todos os males, ganhando da Colômbia, seguimos dependendo de nós mesmos”, finalizou.

O duelo diante da Colômbia será na próxima terça-feira, em San Juan, na Argentina, às 21h30 (de Brasília). O adversário vem de empate em casa, contra o Chile, e está na terceira colocação, com 18 pontos.

msn

11/11/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *