Alagoas Previdência inicia recadastramento biométrico para pensionistas

Ideia é cumprir a atualização biométrica por etapas; autarquia irá anunciar, em breve, calendário para outros segurados

d093ae367310db29904bd013890602c8_l

A Alagoas Previdência inicia Recadastramento Biométrico para aposentados e pensionistas da Previdência Social do Estado de Alagoas. Para isso, a autarquia planejou o chamamento, nesse primeiro momento, dos pensionistas universitários.

Para o segurado que é estudante universitário basta acessar, a partir desta quinta-feira (13), o sitewww.alagoasprevidencia.al.gov.br e clicar no item Recadastramento e efetuar o agendamento. Esta fase segue até o dia 27 de outubro.

Depois do agendamento, o segurado pode fazer ainda o pré-cadastro no sistema, para facilitar a efetivação na fase presencial. É importante levar os seguintes documentos: documento de identificação com foto; Cadastro de Pessoa Física (CPF); comprovante de residência recente emitido em até três meses; título de eleitor, para os maiores de 18 anos; demonstrativo de pagamento e PIS/Pasep/NIT, esse último facultativo.

O presidente da autarquia, Roberto Moisés dos Santos, destacou que será necessário também a declaração da faculdade, indicando que o estudante está regularmente matriculado, devendo constar o respectivo curso e período. “Após a finalização do Recadastramento Biométrico, como ato contínuo, os segurados irão fazer prova de vida anualmente, sempre no mês do aniversário”, disse.

A meta é evitar fraudes à Previdência, considerando as atribuições estabelecidas nos artigos 3° e 4° da Lei Estadual n° 7.751/2015, de 9 de novembro de 2015, que dispõe acerca da reestruturação da Unidade Gestora Única do Regime Próprio de Previdência Social dos Servidores Públicos do Estado de Alagoas e atribui-lhe a competência da gestão dos fundos de natureza previdenciária dos poderes e órgãos integrantes do RPPS/AL.

Em função disso, é preciso fazer o agendamento e comparecer, na data marcada, à Alagoas Previdência, situada na Avenida da Paz, 1864, no Empresarial Terra Brasilis, 15º andar. O recadastramento é obrigatório e a não-efetivação implica na suspensão do benefício.

Lilian Tourinho

12/10/16

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *